Home / Comunicação

Notícias

Home / Comunicação

Notícias

Zenildo Bodnar, registrador de imóveis, é homenageado durante aniversário de 209 anos do TJMA

Compartilhe está notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O titular do 1º Ofício de Imóveis da Capital, Zenildo Bodnar será homenageado com a medalha do Mérito Judiciário Antônio Rodrigues Vellozo durante o aniversário de 209 anos do Tribunal de Justiça do Maranhão, nesta sexta-feira (04/11).

 

A solenidade tem o objetivo de celebrar os serviços prestados por magistrados, juristas, autoridades e outras personalidades que conquistaram relevância para a população e Justiça maranhense. O Tribunal de Justiça do Maranhão é a terceira Corte mais antiga do Brasil, fundada em 4 de novembro de 1813.

 

Criada pela Lei 2.814/1967 e regulamentada pela Resolução N° 4/1999, a medalha do Mérito Judiciário Antônio Rodrigues Vellozo cultua a memória do primeiro chanceler do Tribunal das Relações de São Luís, sendo concedida a personalidades que tenham prestado relevantes serviços à Justiça. 

 

Zenildo Bodnar ressalta que a homenagem demonstra a importância do extrajudicial tanto para o judiciário quanto para os maranhenses. “Estou muito feliz e honrado com a homenagem. Significa, também, o reconhecimento pelos relevantes serviços que os notários e registradores podem dar à Justiça e às causas da cidadania”, afirma.

 

Também serão entregues no evento, que ocorre anualmente, as medalhas dos Bons Serviços Bento Moreira Lima e a Especial do Mérito Cândido Mendes. Este ano ainda conta com a participação da presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministra Maria Thereza de Assis Moura, que será uma das agraciadas com a Medalha Antônio Rodrigues Vellozo.

 

 

Sobre o registrador

 

Zenildo Bodnar possui graduação em Direito pela Universidade Estadual de Ponta Grossa (1998), mestrado em ciência jurídica pela Universidade do Vale do Itajaí (2003); mestrado em urbanismo, história e arquitetura da cidade (PGAU – Cidade); doutorado em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (2005), pós-doutorado em Direito Ambiental na Universidade Federal de Santa Catarina e pós-doutorado em direito ambiental na Universidade de Alicante (Espanha). Foi juiz federal na 4ª Região (2001 a 2015), professor no doutorado e mestrado em ciência jurídica e no mestrado em gestão de políticas públicas da Universidade do Vale do Itajaí; professor da Escola Superior da Magistratura Federal de Santa Catarina; Apajufe, Escola Superior da Magistratura Estadual de Santa Catarina e na Escola do Ministério Público em Santa Catarina. Atualmente é titular do 1º Ofício de Registro de Imóveis de São Luís, Maranhão.

 

Fonte: Assessoria de comunicação da Arpen/MA

Compartilhe está notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin