Home / Comunicação

Notícias

Home / Comunicação

Notícias

Corregedor da Justiça faz visita técnica ao fórum e cartório de Tuntum

Compartilhe está notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O corregedor do Poder Judiciário, desembargador Froz Sobrinho, fez uma visita técnica, nesta terça-feira, 26, ao Fórum e ao cartório 1º Ofício da da Comarca de Tuntum, por ocasião da instalação, pela Corregedoria Geral da Justiça DO MARANHÃO (CGJ-MA), do “Ofício da Cidadania” junto ao Cartório do 2º Ofício da cidade, para emissão de Registro Geral (RG) à população local.

 

A juíza auxiliar da CGJ-MA, Ticiany Gedeon Palácio, coordenadora do Núcleo de Registro Civil e Acesso à Documentação Básica da CGJ-MA, e o juiz da 1ª Vara de Tuntum, Raniel Barbosa Nunes, também participaram das reuniões de trabalho realizadas durante a vista realizada.

 

VIRTUALIZAÇÃO PROCESSUAL

No fórum, a comitiva da Corregedoria foi recebida pelo juiz titular da 1ª Vara, que apresentou estatísticas sobre a demanda judicial e o desempenho da unidade judiciária na virtualização do acervo de processos em tramitação no formato físico. A 1ª Vara de Tuntum possui 3.123 processos  em seu acervo, dos quais 1.377 estão tramitando, para julgamento e registra uma taxa de congestionamento processual de 45,93%.

Segundo o juiz Nunes, o processo de virtualização dos processos ainda em papel está avançando, com a digitalização dos autos e posterior migração para o sistema de Processo Judicial Eletrônico (PJe), com 83,26% da demanda virtualizada e acessível pela internet. Restam menos de 100 processos em papel.

 

“Ficamos muito satisfeito com a visita técnica da equipe. Primeiro, por visualizar o trabalho que está sendo realizado na unidade, verificar o que está em curso e aproximar a Corregedoria da Justiça da Justiça do Primeiro Grau. E, ainda, apresentar as perspectivas sob a ótica da Corregedoria, quanto à capacitação, integralização com os serviços de informática, projetos em andamento e de que forma podemos estreitar o relacionamento quanto ao trabalho desenvolvido pelo Poder Judiciário”, observou o juiz.

No cartório do 1º Ofício, o corregedor conheceu as instalações, conversou com funcionários e se informou sobre a prestação dos serviços extrajudiciais, com auxílio da tabeliã substituta Juliana da Silva Carvalho, com quem conversou a respeito da informatização dos serviços e a conformidade dos trabalhos realizados.

 

Assessoria de Comunicação

Compartilhe está notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin