Senado – Projeto permite uso do nome afetivo por crianças sob guarda provisória

Crianças em processo de adoção poderão utilizar o chamado “nome afetivo”, identificação dada pela nova família que já tenha a guarda provisória do adotante. Projeto com esse objetivo (PLS 330/2018), já aprovado na Comissão de Direitos Humanos (CDH), está em discussão na Comissão de Constituição e Justiça do Senado (CCJ). A reportagem é de Rodrigo Resende, da Rádio Senado.

Ouça a reportagem aqui.

Fonte: Senado

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *